Logo
telefone topo 42

3223-0621

iArtigos - Visualizando artigo

O cliente é meu patrão

No meio de várias discussões sobre o mercado de trabalho hoje, um entrevistador me perguntou o que se deve fazer para as empresas continuarem a serem competitivas e as pessoas a se manterem empregadas.

Parei para pensar por alguns instantes e o que me parece é que as pessoas pensam que existe uma fórmula mágica, algo muito especial e do outro mundo que irão ajudá-los. Será? Vamos falar sobre princípios básicos de atendimento ao cliente, que eu e você vivenciamos todos os dias. O que é um bom atendimento para você e o que te faz voltar nesta empresa ou comprar aquele produto novamente? As suas respostas te ajudam a como deve atender um cliente: da mesma forma que quer ser atendido. 
O que você busca como cliente? Solução, atenção, informação, agilidade, qualidade, preço justo, idoneidade? Some tudo isso e monte a sua forma de atuar. Pronto, a fórmula mágica já existe!
E como praticar? Veja na prática algumas dicas e leve-as para a sua realidade:

1- Entenda o que o cliente precisa.
Pergunte e coloque-se no lugar do cliente

2- Goste de gente, goste de atender
Pratique o significado de ‘servir‘ caso contrário, seu cliente usará a internet.

3- Dedique tempo ao cliente
Deixe-o a vontade e responda suas dúvidas com as informações necessárias

4- Conheça o que vende
Estude, saiba tudo sobre o que vende ou presta serviço. 

5- Conheça o seu público
Quanto mais você conhecer seu público, mais fácil será de acertar a venda. Não empure o que o cliente não quer ou não pode gastar.

6- Não julgue seu cliente pela imagem ou pela forma de se comunicar.
Perceba a forma que ele se comunica. Sempre existirão os que são mais extrovertidos, outros tímidos, outros técnicos e use isto ao seu favor.
Mas atenção: não fale demais, ouça o que ele tem a te dizer!

7- Seja claro e transparente
Não engane o cliente, fale a verdade. Uma venda mal feita é cliente perdido.

Para você vendedor: profissionais que se identificam com a empresa que trabalham, a marca que vendem ou a causa que representam atendem com mais prazer e transmitem confiança pois estão vendendo o que acreditam.

Para você dono do negócio: se você treinou sua equipe baseado nas dicas acima, seu cliente irá voltar porque confiou no seu atendimento, ficou satisfeito com a atenção que recebeu e sabe que pagou um preço justo pelo produto/serviço. Em resumo, ele se sentiu pertencente a sua empresa e provavelmente irá indicar para outras pessoas.

A dica é: se interesse pelo seu cliente, é ele que paga o seu salário e que mantém a sua empresa sobreviver no mercado.


Voltar


Compartilhar

Todos os direitos reservados ao(s) autor(es) do artigo.